A PROPOSTA DA INTELIGÊNCIA EMOCIONAL

Atualmente, vivemos num ritmo em que as questões emocionais são constantemente negligenciadas, até que surjam problemas, os mais variados, desde doenças emocionais, como depressão, ansiedade, estresse e síndrome do pânico, até câncer e outras doenças graves, nas quais a medicina vem comprovando o fator emocional como causa primária.

A proposta da Inteligência Emocional, nesse ínterim, é fazer com que as pessoas aprendam a lidar com as suas emoções antes que estas gerem problemas.

882A sociedade privilegia o intelecto. Pais se preocupam em oferecer uma educação social baseada em regras de comportamento e conduta, ocupando-se muito pouco com a parte emocional no que tange o desenvolvimento de maneiras de lidar e expressar as emoções. Desse modo, como não se pode desprezar as emoções sem pagar um preço alto, as dificuldades vão se avolumando cada vez mais.

Quando o cérebro tem uma pergunta de emergência, ele precisa dar uma resposta imediata, e esta resposta é emocional. Em situações de conflito, o controle das emoções é, portanto, tão – ou mais – importante que o conhecimento intelectual.

Dentre as habilidades emocionais essenciais para se alcançar determinados estados de espírito, como sucesso e felicidade, destacam-se o controle do temperamento, a adaptabilidade, a amizade, o respeito, a amabilidade e a empatia. Saber se colocar no lugar do outro, perceber e captar o sentimento do outro são faculdades que exigem calma e imparcialidade. As explosões devem ser evitadas a todo custo, pois podem prejudicar, às vezes de maneira quase irreversível, os relacionamentos.

A arte dos relacionamentos deve-se, em grande parte, à capacidade de saber lidar e respeitar as emoções do outro. Inteligência emocional é o uso inteligente das emoções, isto é, fazer intencionalmente com que suas emoções trabalhem a seu favor, usando-as como uma ajuda para ditar seu comportamento e raciocínio, com o fim de aperfeiçoar a relação de convivência.

Utilizada tanto intrapessoalmente — para ajudar a si mesmo — quanto interpessoalmente — para ajudar outras pessoas, a inteligência emocional fundamenta-se no desenvolvimento da capacidade de perceber, avaliar e expressar corretamente uma emoção, e de controlar as próprias emoções para promover o crescimento emocional e intelectual.

O desenvolvimento da Inteligência Emocional não acontece de um dia para o outro. Calma, paciência, treino, educação e disciplina fazem parte desse processo, que é lento, porque influi diretamente no âmago da nossa personalidade.

Pesquise, investigue, melhore-se, transforme-se 🙂
Muita paz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s