ABANDONE O “QUERER ESTAR CERTO”

O ego é a raiz de muitos conflitos e desavenças, porque nos impulsiona a julgar as pessoas como erradas. O Espírito de Criação Divina é generoso, amoroso e receptivo, livre de raiva, ressentimento ou amargura, e quando a pessoa é hostil, é sinal de que houve nela uma desconexão com o Poder Divino de Intenção.

937Cessar a necessidade de ter razão nas discussões e nos relacionamentos é como dizer ao ego que não é seu escravo. Dando-se a oportunidade de se sentir bem por não contradizer a opinião de outra pessoa, rejeite a necessidade de ter razão, assimilando, desse modo, a alegria da ação generosa.

Sem precisar concordar ou discordar, respeite com sinceridade os pontos de vista diferentes dos seus, agradecendo-os por lhe direcionar ao caminho da verdade na rota da superação do orgulho, que é o grande entrave ao progresso moral dos seres.

Ao abrir mão de querer ter razão, você fortalece a conexão com o Poder Divino de Intenção. Mas fique atento, pois o ego é um combatente determinado. Tenho visto pessoas terminarem lindos relacionamentos por apego a necessidade de estarem certas. Prestando atenção à vontade controladora do ego, quando estiver no meio de uma discussão, pergunte a si mesmo: “ – Quero estar certo ou ser feliz?”

Consciente de que as provas da convivência são poderosos impulsos no rumo das virtudes que necessitamos, ao optar por ser feliz, amoroso e espiritualmente predisposto, você expandirá novas conexões com o Poder Divino de Intenção, e a Fonte Universal passará a fluir através de você a vida verdadeiramente criativa que lhe foi predestinada.

“Abandone o querer estar certo” é a terceira sugestão, de sete, que compõe um estudo realizado pelo escritor Wayne Walter Dyer. O cerne de suas abordagens prende reflexões profundas sobre o sofrimento ter suas origens na maciça identificação com o ego-orgulhoso. Desse modo, o Sr. Dyer sugere-nos sete “passos” para a transcendência do ego-orgulhoso, a fim de encontrarmos, por nós mesmos, meios de minimizar o sofrimento resultante das inevitáveis divergências da convivência.

As 7 sugestões, disponíveis aqui:
https://sentidodaluz.wordpress.com/2013/11/04/7-passos-para-a-superacao-do-controle-do-ego/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s