A BONDADE NÃO SE DESENVOLVE SENÃO PELO ESFORÇO

Sabemos que não é possível desenvolver a tolerância sem que se vivencie a contrariedade, nem o perdão sem que se passe pelas provas que ferem o orgulho. O homem só sabe se é bom quando recebe o mal e, ainda assim, não se torna mau.

439Saibamos aproveitar as oportunidades que a convivência, através das dificuldades, divergências e contrariedades, nos possibilita, a fim de que, desenvolvamos as virtudes que tanto necessitamos, como respeito, humildade, tolerância e perdão.

Façamos esforços por passar pela “porta estreita” da vida, do vencimento de nós mesmos pela renúncia; que, enfim, seja feita a vontade do Pai, e não a nossa.

Chegará o dia em que, virtuosos, não precisaremos mais de corpos que morrem, nem de “injustiças” que ensinam virtudes.

Mas até lá, façamos esforços!

The Cello Song – Bach:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s